Publicado em

Apresentadora Luitha Miraglia fala sobre seu estilo boho chic em entrevista exclusiva

not_included

ALuitha-Miraglia

Luitha Miraglia é uma mulher da moda – mesmo! A paulista, apesar de estrear recentemente na MTV como apresentadora do programa MÒV3L, é formada em Rádio e TV, fez diversos trabalhos relacionados à indústria da moda, é Fashion Girl da Riachuelo, e passou pela produção de programas como roteirista.

Ao lado da modelo Michi Provensi e do ator José Trassi, os três comandam um motor home que circula pelas ruas de São Paulo atrás de tudo o que pode ser explorado, falando de música, comportamento, meio ambiente e muito mais, com episódios gravados como se eles estivessem vivendo os bastidores de um filme, gravação de disco ou viajando para um festival de música.

Estilosíssima, Luitha ama praia, tranças e acessórios. Para a V&B, ela contou que não pode faltar na produção do dia a dia dela, revelou como é a relação com a figurinista Lalá Azevedo e o que podemos esperar de tendências nos looks ao longo da temporada do programa. Confira a entrevista:

Seu estilo é muito boho chic! Quais as peças e tendências que mais gosta de usar?

Sim, adoro esse estilo boho. Acho que é o que mais me define e por isso meu figurino do programa vai bastante pra esse lado. Mas na minha vida pessoal também adoro um look mais “cool”. Essa onda do tênis branco me pegou! Não consigo tirar o meu do pé. Então, quando não estou com os tricôs, botas de cano curto, franjas e kimonos, geralmente estou com tênis branco, saia ou calça de alfaiataria e moletom ou t-shirt! Costumo transitar entre essas tendências.

Você disse que a figurinista de MÓV3L captou bem a identidade dos apresentadores, mas está dando o seu toque nos looks? 

Super! Sempre conversamos sobre os looks, dou ideias e opinião. Se eu não gosto de alguma coisa, não uso. Se amo alguma coisa, apresento pra ela e a gente encaixa nos looks. Essa parceria é muito gostosa! Semana passada mesmo, fui fazer umas comprinhas de acessórios e comprei alguns colares pensando no programa, que tem tudo a ver com os figurinos! Levei pra Lalá [Azevedo] e ela amou! Já incluímos e estamos usando no programa.

O que não pode faltar no seu look básico?

Acessórios! Acho que eles são a alma do look. Amo o famoso “calça jeans e camiseta branca” mas aí invisto muito nos anéis, brincos, um sapato ou bolsa legal, lenço, bandana… O que pintar! Inclusive estou participando de um Canal no YouTube, que lançamos semana passada, que é sobre moda, chama TFF – Trends For Fashion. Somos em 4 “apresentadores” e cada dia da semana vai ao ar o programa de um. Os meus são às quartas feiras e, não por acaso, se chama “O Poder dos Acessórios”. Lá, falo exatamente dessa minha paixão e da diferença que o acessório pode fazer num look.

Conta pra gente quais são os seus acessórios preferidos, então?

Nossa, definitivamente os anéis são meus preferidos! Sou louca por eles! E quanto mais, melhor! Geralmente uso um em cada dedo e me divirto fazendo combinações e criando composições nas mãos. Depois dos anéis, vêm as meias! Sou viciada em meias e acho que dão um charme pro look! Vocês podem ver que no programa vou usar várias fofas, sempre aparecendo acima da bota, tênis e até com sandália! Só pra comprovar minha paixão, fiz três vídeos diferentes sobre meias pro canal TFF!! (Risos) Em breve, eles vão ao ar, um sobre meias calças, outro sobre meias 3/4, 5/8, 7/8 e outro sobre sandália com meia.

A make para combinar com o estilo, você prefere: delineado ou esfumadinho? 

Que pergunta difícil! Amo tanto os dois e depende muito do dia… Mas acho que vou ficar com o delineado! Só ele já basta pra ser sucesso!

E batom: vermelho ou nude?

Nenhum dos dois! Batom uva! Amooooooo!

Publicado em

A lingerie ao longo dos tempos

not_included

As calcinhas que usamos hoje em dia são tão lindas, confortáveis, sem costura, sensuais… Mas nem sempre foi assim! As coisas eram bem difíceis para as mulheres antigamente. Aqui, um pouquinho da história da lingerie ao longo dos tempos, algumas curiosidades e transformações que aconteceram na época das nossas mães, avós, tataravós…

 

As primeiras calcinhas

Os primeiros registros de modelos de “calcinhas” são de aproximadamente 40 a.C. Em Roma e Grécia, as mulheres usavam pedaços de algodão, linho ou lã amarrada ao corpo como fraldas. Além disso, tinha uma faixa de couro chamada fascia, que tinha como objetivo comprimir os seios para que não crescessem.

Cintos de castidade

Eram como “contraceptivos de ferro” trancados à chave geralmente pelos maridos que iam para a guerra e queriam garantir que suas esposas não os trairiam enquanto não voltassem.

“Corps Piqué”

No Renascimento, as mulheres usavam um chamado “Corps Piqué”: ele apertava a cintura, era amarrado com uma haste (que pesava até 1 kg) enfiada em um encaixe e costurado no tecido do corpete. Dizem que o aperto ao corpo feminino era tanto que as costelas chegavam a se cruzar!

A partir de 1770, com as ideias iluministas, houve o movimento anti-espartilho. Médicos, escritores, filósofos militavam contra os corseletes. O estilo romântico, com cintura marcada, mangas bufantes e saias em formato de sino, marcou os anos 1830 (vale destacar que, nessa época, a cintura ideal tinha entre 40 e 45 cm).

lingerie-Herminie-Caddole

“Calças de baixo” ou “culote”

As “calças de baixo” femininas se espalharam mesmo no século XVI, como imitação das masculinas. Era um tipo de calça cigarrete larga criada para que as mulheres pudessem se movimentar mais à vontade, sem ficar com o sexo tão desprotegido.

Sutiã

No século XIX, foi criado na França o precursor do soutien, numa tentativa de oferecer mais conforto às mulheres. A boutique de Heminie Cadolle elaborou um modelo em tecido à base de algodão e seda. Em 1914, foi devidamente reconhecido e patenteado nos Estados Unidos pela socialite nova-iorquina Mary Phelps Jacob.

1920  1930

Cinta-liga

Criada para segurar as meias 7/8 e, ainda nos anos 30, era o único acessório disponível para prender as meias das mulheres. As meias-calças só vieram a partir da década de 40, com a invenção do náilon em 1935. Dançarinas exibiam suas cintas-ligas por baixo das saias de franjas, enquanto se sacudiam ao som frenético das jazz-bands.

Lingerie Sexy

O movimento das pin-ups, em meados de 1950, contribuiu para que a lingerie fosse vista como uma peça sexy e confortável no vestuário feminino.

1940 1957

Calcinha “Tanga”

No final dos anos 70 surge a lycra, a calcinha diminui de tamanho e começa a ser conhecida como “tanga”. Em 1980 aparece a famosa calcinha “fio dental”. Cinta-liga, meias 7/8 e corseletes, sem a antiga modelagem claustrofóbica, voltaram à moda. Rendas, laços e tecidos delicados enfeitavam calcinhas e sutiãs.

Victoria’s Secret

Em 1999, acontece o primeiro Victoria’s Secret Fashion Show, transformando a grife em uma das mais cobiçadas do mundo, com coleções de lingerie chiquérrimas. E aí era a seguinte: quanto mais a mulher ganhava espaço na sociedade, mais a calcinha diminuía!

2000 2014

Fonte: Manequim, Almanaque Folha, Lucitex

Publicado em

Vestido no inverno: como usar seu V&B com meia calça

not_included


O frio chegou, mas você quer usar seu V&B a todo custo? Não tem problema! Nós vamos de dar dicas de como vestido no inverno.

A meia-calça é a peça coringa do inverno, vai bem com looks casuais e elegantes, permite várias combinações diferentes e veste todos os estilos de corpo. Você pode também colocar jaqueta, casaco, sobretudo, blazer… E, quando fizer um solzinho, pode sair só com um lenço.

Separamos aqui algumas combinações para você se inspirar, ousar e abusar de vestido no inverno por aí, sem medo de ser feliz!

vestido no inverno
Jaqueta + Meia-calça
vestido no inverno
Sobretudo + Meia-calça colorida

 

vestido com meia calça 3
Meia-calça colorida
vestido com meia calça 4
Boho chic também pode!
vestido com meia lenço
Meia 7/8 + Lenço
vestido com meia lenço2
Pode tudo!

Agora é só sair arrasando com seu V&B. E para acertar na combinação da meia 7/8, confira nossas dicas no post: Meias 7/8: como usar e arrasar

Publicado em

Feliz Dia Mundial do Rock

not_included


Feliz Dia Mundial do Rock ao eterno Rei, Elvis Presley! E também a todos os cantores de rock de chuveiro!

elvis-dia-do-rock

 

Mas você sabe a história dessa data? Ela foi escolhida em homenagem ao Live Aid, megaevento de shows simultâneos que aconteceu em 13 de julho de 1985 em Londres, na Inglaterra, e Filadélfia, nos Estados Unidos.

O objetivo principal era o fim da fome na Etiópia. O evento chamou a atenção por contar com a presença de muitos artistas famosos na época. Entre os participantes, estavam The Who, Status Quo, Led Zeppelin, Dire Straits, Madonna, Queen, Joan Baez, David Bowie, BB King, Mick Jagger, Sting, Scorpions, U2, Paul McCartney, Phil Collins (que tocou nos dois lugares), Eric Clapton e Black Sabbath.2

Mas a data não é tão mundial assim: “Nem os americanos nem os ingleses levaram a sério. Só brasileiros e as rádios rock do Brasil, desde aquela época, passaram a considerar esse o Dia do Rock”, explica o cantor, radialista, compositor ícone oitentista e jornalista Kid Vinil, autor do livro Almanaque do Rock.

Os shows foram transmitidos ao vivo pela BBC para diversos países e abriram os olhos do mundo para a miséria no continente africano. Além de um dia inesquecível, foi uma renda de 283.6 milhões de dólares para a caridade!

 

 

Publicado em

Como passar delineador – lápis, gel ou líquido

not_included

Um bom look retrô estilo pin-up não está completo se não tiver ele – o delineado gatinho! Sabemos que para sair direitinho é preciso treino. mas também ajuda muito se você souber qual produto é o que mais combina com você e com a make que você quer. A maquiadora e consultora de imagem da rede de salões Jacques Janine, Chloé Gaya, deu dicas muito legais para o site Loucas por Beleza e estamos compartilhando aqui com vocês!

delineado1
Delineado + Batom Vermelho <3

delineado-lápis

1 – Delineado com lápis: Você pode usar um lápis preto para fazer o delineado. Essa maquiagem seria mais básica, para o dia a dia. O lápis é feito com cera, o que faz com que seja cremoso e fácil de aplicar (ele não deixa uma linha muito definida e “rígida”). Esse tipo de delineador pode ser usado marcado ou esfumado. A única desvantagem é que talvez não dure tanto tempo e precise de um retoque ao longo do dia. Você pode usar um delineador em caneta para ter o mesmo formato de aplicação, mas com um produto mais resistente à água.

delineado-gel

2 – Delineador em gel: O delineador em gel geralmente é a prova d’água. A dificuldade de aplicar vem do fato de ele secar rápido. Fica difícil de reaplicar uma camada por cima, porque acaba esfarelando. A dica é usar um pincel fino e firme (pode até ser o chanfrado) e riscar de uma vez, em um traço só. Mass cuidado, precisa ter a mão firme para não borrar. Para esse delineado eu fiz um gatinho mais longo e juntei a parte de cima com o cantinho da parte de baixo do olho, o que deixa o olhar bem felino.

delineado-líquido

3 – Delineador líquido: O delineador líquido que já vem com aplicador é o clássico e mais comum. Ele exige um pouco mais de firmeza nas mãos porque qualquer milímetro que borrar pode ser notado facilmente – ele é um líquido mais intenso e fino. Quando aplicar esse delineador, tome o cuidado de deixar secar antes de piscar o olho, porque ele pode acabar “carimbando” a pálpebra. Aqui eu fiz um delineado mais grosso, intenso e maior, somente na parte de cima nos olhos.

Publicado em

Polainas: a moda dos anos 80 em 2015

not_included

Peça indispensável no guarda-roupa das bailarinas, a polaina ficou famosa como acessório depois do sucesso do filme Flashdance. A protagonista Alex Ownes usava polainas para compor o look e acabou fazendo com que elas se tornassem um ícone da época nos anos 80.

Originalmente, as polainas eram usadas para aquecer os músculos das bailarinas e mantê-los flexíveis para a sequência de movimentos dos treinos e ensaios.

Nos anos 90 até apareceram em algumas pernas por aí, mas foi nos anos 2000, quando celebridades começaram a encaixar as polainas em suas produções, que elas saíram dos guarda-roupas e voltar a ocupar as ruas.

Além de serem deliciosas nesse friozinho, existem vários jeitos de usar polainas com o look: na academia, num look mais casual com legging e tênis, com bota de cano curto, com vestido e até na balada!

Dicas:

#1: Para alongar as pernas, use as polainas da mesma cor da calça e do tênis ou bota. Se você é baixinha e ainda “dividir” a perna usando cores diferentes, sua perna vai parecer ainda mais curta.

#2: Como é para esquentar, não fica muito legal com sandálias abertas. Prefira botas, sapatilhas, tênis e sapatos fechados.

#3: Dá para usar com shorts, saia, vestido, sim! É só deixá-las mais curtas, mais perto do tornozelo.

polainas-1
Diferentes jeitos de usar polainas

 

Publicado em

6 clipes com clima retrô para animar sua semana

not_included


Para você começar a semana já animada (e com chave de ouro), preparamos uma seleção de clipes com clima retrô deliciosa para você curtir sem dar chance para a preguiça do frio!

Dá play e vem com a gente 🙂

 

1 – Beyoncé – Why Don’t You Love Me

2 – Outkast – Hey Ya

3 – Christina Aguilera – Candy Man

4 – Foo Fighters – Long Road to Ruin

5 – Taylor Swift – Mean

6 – Nick Jonas – Jealous

 

Publicado em

Agora é oficial: estamos no inverno! Campanha do Agasalho V&B

not_included

Dia 21 inaugurou oficialmente a estação mais romântica do ano.

É, amigas, agora estamos no inverno. Oficialmente!

A temporada dos abraços mais esperados, do chocolate quente, dos filmes debaixo do edredom, dos caldinhos e fondues. Da elegância e glamour.

Ah… O inverno, onde as paisagens ficam todas parecendo fotos em baixa saturação…

Mas é também nesta época que muita gente sofre e não é de amor que estamos falando. É de frio mesmo.

Gente que mora nas ruas ou em lugares muito, muito frios e que perecem nesta época do ano.

E sabia que podemos ajuda-los sem deixar de fazer nadinha de bom para nós nesse inverno?

Sim! E a Vicky & BArdot ainda vai te dar um mega desconto. Basta participar na nossa Campanha do Agasalho. Veja como é fácil:

Como podemos ajudar?

Todo ano, empresas, instituições e ongs do Brasil inteiro se mobilizam em torno da campanha de doação de roupas, nacionalmente conhecida como “Campanha do Agasalho”. E a Vicky & Bardot quer incentivar esse ato de doar através de benefícios e também de doações.

O que doar?

Roupas e calçados, novos ou usados. Para o desapego e o consumo consciente, separe os itens que não são mais usados, mas que ainda estão em condições de uso e DOE.

Como doar?

– Separe algumas peças de roupas e/ou calçados (importante estarem em condições de uso e limpos :])

– Encaminhe para doação (pode ser pessoa física ou jurídica)

– Tire uma foto com a doação ou com a pessoa que recebeu as doações

– Poste em uma das redes sociais (Instagram, Facebook, Twitter, Google+) com a hashtag #QuentinhoComBardot

– Aguarde nosso contato via redes sociais ou envie um e-mail para contato@vickyebardot.com com o link para a postagem

– Receba o CUPOM e boas compras!

Regulamento:
*O Cupom de desconto poderá ser utilizado até Dezembro de 2015 e não é cumulativo, portanto, não pode utilizar mais de um cupom em uma mesma compra.
** A cada 1000 postagens únicas (por usuário) com a TAG #QuentinhoComBardot a Vicky & Bardot irá realizar a doação de 1 vestido novo Vicky & Bardot para uma instituição que estiver arrecadando roupas para o ano de 2015.
*** As postagens poderão ser feitas até o dia 22 de Setembro de 2015.

Algumas instituições que arrecadam doações:

Exército da Salvação

O Exército da Salvação, organização de origem cristã e fundada em 1865, na Inglaterra, atua em 124 países realizando trabalhos sociais.
Site: http://www.exercitodoacoes.org.br/

Casa Hope

A instituição aceita doações de roupas, itens de cama, mesa e banho, eletrônicos, livros, discos, eletrodomésticos, móveis e brinquedos, que serão vendidos em um bazar beneficente.

Para doar, entre em contato com (11) 5084-7111, (11) 5087-7999 ou envie um e-mail para bazar@hope.org.br. As doações podem ser feitas ainda no próprio bazar, na av. Conselheiro Rodrigues Alves, 918 – Vila Mariana – São Paulo-SP, de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h30. Doações em grandes quantidades podem ser retiradas no local.

——-

Você conhece alguma instituição ou ong que aceitam arrecadação de roupas? Deixe nos comentários que atualizaremos nossa lista.

Dúvidas, sugestões e mensagens de apoio serão muito bem vindas. Nosso e-mail: contato@vickyebardot.com

Publicado em

Vestir-se de autoestima: porque é importante vestir-se bem

not_included


“Estilo é uma maneira de dizer quem você é sem ter que dizer nada.” (Zoe, Rachel)

Engraçado observarmos como nos sentimos bem quando estamos bem vestidas, já reparou?

Pois é: se estamos de acordo com o ambiente, momento e com as pessoas ali, nos sentimos parte do contexto e, caso estejamos em destaque pelo capricho, é ainda melhor.

O contrário também é verdadeiro: se estamos mal vestidas, nos sentimos mal, nos retraímos, ficamos constrangidas e isso transparece. Sem falar na “mensagem” que transmitimos para muitos, de que somos aquilo mesmo, de que não nos preocupamos com nossa imagem e, muitas vezes, acabamos por nos limitar.

Pensando nisso, percebemos que se vestir bem tem uma relação direta com se sentir bem, com estar bem e mais! Tem relação direta com “abrir chances melhores”.

E, ao contrário do que muitos dizem por aí, autoestima tem muito mais a ver com nos agregarmos valores, nos vermos melhores, nos refazermos cada vez melhores do que “nos dar valor” sem que cuidemos de mudar e evoluir nada.

Por mais amor próprio que alguém tenha, sempre há o que melhorar e mudar. E uma das primeiras coisas que podemos mudar, é nossa forma de vestir.

Aprendendo, não a esconder defeitos, mas a NOS garantir que aquilo que consideramos defeitinhos, não vai nos incomodar, nos constranger.

Também evidenciando qualidades, coisas que gostamos e que nos fazem sentir mais seguras.

Com essas duas dicas praticadas, já será possível dar um grande passo rumo ao seu resgate próprio.

Ser mulher não é fácil, mas é uma delícia. Ainda mais quando aprendemos a nos permitir melhorar!

 

Publicado em

Simpatia para trazer o amor genuíno

not_included

Hoje é dia de Santo Antonio, então é dia de apostar todas as fichas para que os próximos tempos sejam de encontro daquele amor genuíno e que tanto sonhamos.

Sabendo disso, a Vicky & Bardot reservou uma simpatia “tiro e queda”, passada de geração em geração e guardada a sete chaves, mas que agora foi permitido ser revelada (Apenas para leitoras do nosso blog, claro).

A simpatia é simples, mas o que mais conta mesmo é o seu envolvimento e dedicação no processo todo e, claro, nos passos seguintes.

Preparadas? Então vamos lá!

Simpatia para trazer o amor genuíno

Ingredientes:

  • 2 chumaços de algodão
  • retalhos, de preferência de cetim
  • linha
  • agulha
  • folhas (ou chá) de hortelã e chá de camomila
  • 7 grãos de feijão
  • copo plástico

Preparo:

  1. Primeiro, ferva uma xícara de água, depois faça uma infusão com o hortelã e a camomila.
  2. Coloque um dos chumaços de algodão na infusão até esfriar.
  3. Tire o chumaço de algodão da infusão, esprema-o o máximo que puder.
  4. Deixe-o secar.
  5. No retalho, escreva: “Quero a sorte de um amor tranquilo, genuíno e forte!”.
  6. Faça um “travesseirinho” com o retalho, mas antes de fecha-lo inteiro, coloque o algodão, já seco, dentro.
  7. Depois feche-o todo com costura bem firme e caprichada.
  8. Umedeça delicadamente o outro chumaço de algodão e esprema o excesso de água.
  9. Coloque os sete grãos de feijão no copo plástico, cubra-os com o algodão úmido e coloque-o em um lugar que bata sol, mas não diretamente neles.
  10. O “travesserinho” você guarda na sua gaveta de calcinhas. E o copo, deixe-o em local que garanta o desenvolvimento dos feijões.
  11. Compartilhe esta postagem no seu Facebook, marcando sete amigas.

Simpatia para ter a sorte de um amor tranquiloAgora, é só cuidar para que os sete grãos de feijão brotem e dêem frutinhos, que será quando você terá a sorte de um amor tranquilo, genuíno e forte.

O cuidado que você vai ter com seus feijões, reflete o cuidado que você terá que sou amor, para mantê-lo vivo, dando frutos, renascendo. Então cuide bem deles!!

Esta simpatia pode ser feita qualquer dia, mas se for feita hoje, amplifica muito o poder dela!

Marcar as amigas no Facebook mostrará sua generosidade em querer que amigas também se beneficiem de um amor assim, o que trará ainda melhores resultados.